sábado, 13 de maio de 2017

A delação de Palocci já nasceu morta

Carlos D'Incao

Mais uma vez, de forma muito conveniente, logo após a chinelada que o ex-presidente Lula deu no juiz Sérgio Moro, surge a notícia de que mais delações vão surgir e... agora... como todos que estão nos bastidores já sabiam, é a vez de Palocci falar a famosa frase, "Lula sabia de tudo!".

Essa frase se tornou a garantia para todos os que estão nos calabouços de Curitiba pleitearem ao menos uma prisão domiciliar.

Pois, no final das contas, Moro não julga ninguém. Ele simplesmente decreta a prisão cautelar daqueles que possivelmente fizeram parte do círculo de contatos de Lula e... joga fora a chave da cadeia... com a anuência de um STF acovardado...

Desempenhando muito mais um papel de carcereiro do que o de um juiz, Moro promete só liberar seus presos para "o banho de sol" se eles "colaborarem"... E a "colaboração" é sentar no banco dos réus e dizer em alto som: "Lula sabia de tudo!"

Porém... Vamos analisar um pouco - com verdadeira honestidade intelectual - essa falácia do "Lula sabia de tudo!".

Todos nós sabemos que desde a época de D. Manuel as elites governam essas terras às margens da lei. A mistura entre o público e o privado, os apadrinhamentos, os favores políticos, as propinas, os desvios de verbas... Todo brasileiro, enfim, sabe que esses são os procedimentos que compõe o SISTEMA político brasileiro. Logo, temos em nosso país um problema de CORRUPÇÃO SISTEMÁTICA.

Depois de 500 anos fazendo da lama a rotina do exercício do poder, essa elite teve que engolir a decisão soberana do povo brasileiro que elegeu Lula. Mas o povo o elegeu não como Rei, nem como Faraó e muito menos como Ditador. Lula foi eleito Presidente da República.

Obviamente que o sonho da maioria da população - que vive alheia às benesses da corrupção - é colocar todos esses corruptos em um enorme paredão e mandá-los, sem nenhuma exceção, para o céu...

Mas Lula nunca teve esse poder... O povo elegeu Lula, mas elegeu também um Congresso, um Senado, os Governadores, os Prefeitos... Somos um dos maiores países do Mundo... E haja políticos nesse país!

Não restou nenhuma outra alternativa a Lula senão governar o país através de uma coalizão. E... apenas alguém muito ingênuo poderia acreditar que Lula iria sozinho acabar com uma praga que fundamenta o sistema político brasileiro há mais de cinco séculos.

Assim, podemos concluir desde já que se o crime de Lula é saber que havia corrupção no Brasil, ele deve ser tão condenado como todo cidadão que vive nesse país. Mas o que Lula fez efetivamente diante desse triste quadro histórico?

Além de realizar as reformas sociais que mais beneficiaram o povo brasileiro em toda a nossa História, Lula fortaleceu - como nenhum outro presidente - as instituições que foram feitas para combater a corrupção.

Vejamos.

Na era FHC a Polícia Federal não tinha dinheiro nem para colocar gasolina nas suas viaturas. Lula fez dela uma potência em efetivo, logística e equipamento. Na era FHC a imagem do Procurador Geral da República era apenas simbólica. Lula e Dilma deram a esse cargo autonomia de ação para enfrentar inclusive o STF.

E o STF, por sua vez, era o tradicional cargo dos compadres dos presidentes... Lula não fez nenhuma indicação política. Foi, objetivamente falando, o mais republicano de todos os presidentes de nossa História.

A rigor o Brasil hoje está muito mais fortalecido para combater a corrupção política do que em qualquer outra época. Por essa razão é importante denunciarmos com vigor a farsa dessa operação Lava-Jato que, além de tudo, representa um verdadeiro golpe de Estado.

Pois essa operação foi criada para corromper as instituições do Executivo e do Judiciário (Ministério Público, Polícia Federal, PGR, STF e os tribunais federais) que se tornaram ferramentas para exterminar politicamente justamente aquele que mais estruturou os mecanismos contra a corrupção.

E qual é a finalidade disso? Simples. Fazem isso para recolocar no poder aqueles que sempre assaltaram os cofres públicos ao longo de toda a História do Brasil.

A Lava-Jato representa, em suma, os interesses da velha elite escravocrata liderada por Temer e sua camarilha de canalhas que vendem as riquezas do Brasil a preço de banana, ao mesmo tempo que condena à miséria toda a classe trabalhadora.

E no meio disso tudo, preso há mais de 8 meses, Palocci resolveu delatar Lula... Simplesmente porque está morrendo de medo que o carcereiro Moro lhe deixe preso por anos a fio.... É um homem sob tortura... Mas, para o azar de Moro e dos golpistas, a sua delação já nasceu morta, pois o povo brasileiro já tem pleno conhecimento da farsa dessa operação...

Depois da devassa feita na vida privada de Lula, sua popularidade continuará a subir cada vez mais. E isso é mais do que lógico, pois causa um verdadeiro alento a alma dos brasileiros mais humildes ver que Lula, mesmo diante de tantas possibilidades de se corromper, se enriquecer e talvez sumir desse país, continuou morando em São Bernardo, no mesmo endereço que já possuía quando assumiu a presidência da República.

Diferentemente de FHC, Lula não saiu do poder com apartamentos nas áreas mais nobres de Paris e Nova York... E se a Operação Lava-Jato encontrou um par de pedalinhos de Lula num sítio de seu amigo em Atibaia, certamente não encontrou um Helicóptero cheio de cocaína em sua fazenda, exatamente como ocorreu com Aécio Neves...

E ninguém na Globo nunca falará nenhuma palavra sobre tudo isso... E nem precisa... Isso já está na boca de cada trabalhador desse país, ou seja, nas mentes e corações da esmagadora maioria desse povo.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Web Analytics