quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Vexame ambulante

Leandro Fortes

Luislinda Valois, a nossa Gandhi golpista, aquela que chora quando vê cartazes com "Fora Temer", INVENTOU um titulo das Nações Unidas para colocar no currículo.

Ela é a ministra de Direitos Humanos que não fala sobre direitos humanos, porque acha que isso é um assunto de outras esferas de governo.

O tal título de "embaixadora da paz", que ela alega ser da ONU, foi uma homenagem da seita do Reverendo Moon, um dos maiores picaretas religiosos da História, morto em 2012.

Além de Luislinda, Moon prestou a mesma homenagem ao ex-candidato a prefeito de São Paulo João Bico, do PSDC, e à banda baiana de forró Flor Serena.

É esse, o nível.

P.S. O texto da reportagem da Folha de S.Paulo não diz, mas consta de um quadro anexo, no pé da matéria: a primeira-dama de São Paulo, Malu Alckmin, também recebeu a mesma homenagem do Reverendo Moon!

Um comentário :

Web Analytics